Diferença entre Terceirização de Mão-de-Obra & Serviços

Muita confusão se faz no mercado e também a nível jurídico quanto ao conceito de terceirizar mão-de-obra ou serviço.

Quando se terceiriza serviço transfere-se ao contratado o “bloco como um todo”, ou seja, além da
mão-de-obra também a responsabilidade sobre o serviço, o processo, insumos, equipamentos
entre outros e evidentemente a empresa contratada deve ser especialista no serviço “transferido
pelo cliente”.

Desta forma a empresa contratante não interfere na realização do serviço, pois a empresa
especialista foi contratada para tal fim independente de quem a realizara, dos métodos utilizados
e, portanto o tomador deverá analisar se o serviço foi realizado a contento e realizar o pagamento.
Já na terceirização de mão-de-obra a contratante transfere a contratada a responsabilidade de
fornecer a mão-de-obra propriamente dita, sem envolver a responsabilidade do serviço,
equipamentos e processo, onde a empresa tomadora deverá supervisionar o serviço realizado, pois
a contratada não tem este “expertise”.

A contratada neste caso é especializada em selecionar agilmente a mão-de-obra e administrar a
nível administrativo tais funcionários. O custo deste serviço é mais claro para o tomador visto a
base de calculo ser os salários destes funcionários, levando também a um custo menor que a
terceirização do serviço.